quinta-feira, 9 de outubro de 2008

100 fucking posts!

Não imaginei que essa aventura fosse durar tanto. Começou numa noite fria de julho e se estendeu até aqui.
Houve momentos de desespero e histeria em que pensei "vou acabar com essa porra agora", abandonei o blog às traças. Mas todo bom filho retorna à casa.
Não podemos abdicar dos nossos refúgios, dos nossos portos seguros, onde podemos nos esconder do mundo, abrir o coração sem qualquer receio e até choramingar sem sentir vergonha por isso.
Poucas coisas ainda fazem sentido pra mim, e uma delas é escrever. E aqui eu sou ainda mais sincera. Sou eu, sem minha carapaça, nua e frágil. Isso me faz bem.
Eu vou continuar a escrever. Até mesmo porque a minha vida tão sempre monótona continuará me dando motivos pra vir aqui desabafar, mesmo que ninguém mais leia, mesmo que eu esteja a falar sozinha pra esse fundinho branco.
A minha vida continua sendo insossa, mas eu até gosto dela assim!
Um brinde ao Mundinho Insosso: salut! :*

4 comentários:

Diego da Silva Rodrigues disse...

Pra tu ver... Um dia acordei, e tomei coragem! Hehe..

Quando eu chegar à centésima fucking poesia, me orgulharei também! ;)

Bjo!

HQVERSE disse...

um brinde baby

bjs

Wury disse...

100 fucking posts e eu ainda estou por aqui (e ao que parece, estarei aos 200, 300...).

sarah εïз disse...

on, q fofo yuri!
por essas e outras q eu ainda persisto nisso aqui
:D